Compartilhe
facebook twitter gplus mail

5 motivos para conhecer Cuba nesta temporada

14/06/2018
O Capitólio, no centro de Havana, está sendo preparado para voltar a ser sede do governo. Foto Alexandre Eça.
Patrimônio da Humanidade, o centro de Trinidad está totalmente renovado. Foto Alexandre Eça.

Cuba vive um momento de transformação. A capital Havana está se renovando com a chegada de grandes hotéis e a restauração dos seus principais monumentos, o charme do interior do país é refletido na arquitetura, as praias continuam lindas, perfeitas para relaxar, e o povo cubano é sempre uma atração.  Os motivos para conhecer o país são muitos - aqui listamos apenas cinco que ajudam a explicar por que não devemos esperar para viajar para a nação mais cativante do Caribe. 

 

1. Havana renovada
Habana Vieja é a parte histórica da capital, Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, e está ganhando uma nova cara. São dezenas de prédios sendo restaurados, novos hotéis de excelência internacional como o Gran Hotel Manzana Kempinski chegando, restaurantes e bares com influências gastronômicas diversas, galerias de arte, cafés com decoração contemporânea. Tudo isso parecendo conviver em harmonia com o que Cuba tem de mais tradicional. Os contrastes notados na arquitetura com influências mourisca, italiana, grega e espanhola, estilos que vão do Art Nouveau ao Modernista e edificações erguidas entre os séculos 17 e 19, como a Catedral de Havana e os palácios Marqués de Arcos e de los Condes de Casa Bayona.

 

2. O povo cubano
O povo de Cuba é uma atração à parte para quem visita o país. Enquanto na capital todos parecem querer chegar perto dos turistas, puxam assunto – quando se é brasileiro, a  conversa sempre vai convergir para o futebol e para as novelas, que são tradicionais em Cuba –, no interior tudo parece mais reservado. Ainda assim, o cubano é muito simpático e é quase impossível evitar uma boa conversa. Cuba é educada, extremamente gentil com quem a visita e seu povo é dono de sorrisos largos e espontâneos.

 

3. O charme do interior
Para mergulhar ainda mais fundo na Cuba rural, conhecer a colonial Trinidad é essencial. A Cidade fica a pouco mais de 300 quilômetros da capital e viveu seu primeiro apogeu no início do século 19 com a indústria açucareira. Foi neste período que seu centro – hoje Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco – tomou forma e agora surge como grande atração. O casario colonial restaurado em pouco mais de três quilômetros quadrados tem charme e graça, concentrando um número enorme de galerias de arte, bares e restaurantes. A arquitetura como atração pode ser observada também em Cienfuegos, outra  pequena cidade a 80 quilômetros de Trinidad, que foi colonizada por franceses no século 19 e tem seu casario colorido totalmente preservado. Um prato cheio para fotos.

 

4. As praias 
Cuba é Caribe. O que significa diversos encantos naturais e praias paradisíacas. Um dos principais destinos é Varadero - é possível desfrutar de 20 quilômetros de praias de areia branca com imponentes palmeiras. Aos que desejam combinar natureza e história, nos arredores há cidades como Cárdenas, Matanzas e San Migueld e los Baños, com ricas bagagens culturais. Em Trinidad também há belas praias como a Ancón e mais afastados, locais como Cayo Santa Maria, Cayo Coco e Cayo Largo. 

 

5. A música cubana
Em Cuba, a música está em todos os lugares. A música cubana, elegante, aquela que o mundo conheceu por meio do cineasta alemão Wim Wenders e seu Buena Vista Social Club é um patrimônio. Sucessos de Omara Portuondo, Compay Segundo e Ibrahim Ferrer são ouvidos por todos os cantos e embalam uma atmosfera festiva, que contagia quem visita o país. No Spotify preparamos uma playlist com músicas latinas que combinam o melhor dos clássicos com o mais contemporâneo para servir de trilha sonora da viagem. Acesse clicando aqui.

 

Quando ir
novembro a junho

 

Como ir
A Copa Airlines tem voos para Havana a partir de São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Salvador, Brasília, Porto Alegre e Belo Horizonte com escalas no Panamá. 

 

Onde ficar

Gran Hotel Manzana Kempinski
Havana

O primeiro hotel de excelência internacional chegou ao país em 2017 e está ajudando a mudar a cara do centro da cidade. O hotel tem design moderno e sofisticado, além de um rooftop com vista para Habana Vieja, que pode ser considerado um dos mais incríveis do planeta.

Paradisus Princesa del Mar
Varadero

Com uma praia de areias brancas e mar azul praticamente exclusiva, piscinas e 13  estaurantes, o Paradisus Princesa del Mar tem uma área com acesso restrito aos hóspedes – a Royal Service –, com serviços personalizados. 

Iberostar Trinidad
Trinidad

Fora da área histórica, o hotel é o principal da cidade. Conta com bares e restaurantes exclusivos para os hóspedes e serviços de concierge que organizam diversos passeios pela região rural.

 

Cuba é capa da nova edição da revista The Traveller, que já está nas bancas, livrarias e disponível para assinatura no nosso site. 

0 Comentário

Comentários com conteúdo impróprio e/ou spam poderão ser removidos.